Menu

UNEAL e TJ/AL assinam termo de convênio Solenidade aconteceu no gabinete do presidente do Tribunal de Justiça Tutmés Airan

23 OUT 2019
23 de Outubro de 2019

Rodrigo Rosas

A Universidade Estadual de Alagoas (UNEAL) esteve presente na manhã de segunda-feira (21) na solenidade de assinatura do termo de convênio com o Tribunal de Justiça de Alagoas (TJ/AL) referente ao Núcleo de Conciliação e Mediação de Soluções e Conflitos (CJUCS) que será instalado no Campus VI - em Maceió. As assinaturas aconteceram no prédio do Tribunal de Justiça, centro da capital do Estado.

"Acompanhamos e apoiamos a iniciativa dos professores do curso de Direito do campus VI para a implantação deste núcleo, que será um importante espaço para as práticas jurídicas de nossos alunos e consequentemente um ganho para sociedade alagoana, que receberá os serviços gratuitos do CJUCS", enfatizou o vice-reitor da Uneal Anderson Barros.

Além de buscar solucionar demandas jurídicas da sociedade, o Núcleo de Conciliação, atuará como laboratório de práticas jurídicas para os estudantes do curso de direito do campus VI, que terão à oportunidade de aplicar os conteúdos vistos em sala de aula a situações reais.

"O convênio entre o tribunal e a Uneal para instalação do CEJUCS no Campus VI em Maceió é muito importante, uma vez que poderemos disponibilizar aos nossos alunos do curso de direito a prática jurídica no próprio Campus. O CEJUSC é um grande projeto inovador de justiça pacificadora e nesse sentido agradecemos ao Tribunal de Justiça, por nos confiar nessa missão de soluções de conflitos em favor da sociedade", ressaltou a diretora do campus VI Ilda Acioly.

 O presidente do TJ/AL, Tutmés Airan destacou que é egresso de instituição pública, e sempre vem contribuindo com as instituições de ensino "É uma satisfação assinar este convênio, pois fortalece a educação pública e de qualidade".

 Estiveram presentes na solenidade o vice-reitor Anderson Barros, o presidente do TJ/AL, Tutmés Airan, o coordenador geral do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos do TJ/AL, juiz José Miranda, a servidora do TJ Moacyra Rocha, a diretora do campus VI, Ilda Acioly, o professor do curso de Direito, Felipe Cavalcante e os alunos do curso de direito do campus VI Emily Quintela e Rafael Cavalcante.

Voltar

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.

Clique aqui para editar.


Tenha também o seu site. É grátis!